Lengalegas envolvendo porcos

Era uma velha

Era uma velha
que tinha um burro,
Debaixo da cama o tinha;
O burro zurrava.
O porco roncava,
O galo cantava,
Estou só de uma banda só

Era uma
Que tinha um porco,
Debaixo da cama o tinha,
O porco roncava,
O galo cantava,
O cão ladrava,
O gato miava,
A velha dizia:
Estou só,
Estou ó
de uma banda só.

Era uma velha
Que tinha um velho,
Debaixo da cama o tinha;
O velho falava,
O boi berrava,
O burro zurrava,
O porco roncava,

Era uma velha
Que tinha um boi, debaixo da cama o tinha;
O boi berrava,
O burro zurrava, o porco roncava,
O galo cantava,
O cão ladrava,
O gato miava
A velha dizia:
Estou só,
Estou só de uma banda só,
O galo cantava,
O cão ladrava,
O gato miava,
O porco roncava,
A velha dizia;
Estou só, estou só,
Estou só de uma banda só.

E depois? E depois?
Morreram as vacas,
Ficaram os bois.


In: Lengalengas e Trava Línguas, de Loureiro Neves

 

A política: a grande Porca” | Desenho de Rafael Bordalo Pinheiro no primeiro número da revista “A Paródia”, no ano de 1900

"A política: a grande Porca” | Desenho de Rafael Bordalo Pinheiro no primeiro número da revista “A Paródia”, no ano de 1900

Amanhã é domingo

Amanhã é domingo
Pão com pingo
Galo francês
Pica na rês
A rês é mansa
Foge pr’à França
Se cá voltar
Torna a picar
O sino é d’ouro
Pica no touro
O touro é bravo
Pica no fidalgo
O fidalgo é valente
Mete três homens
Na cova de um dente
Tlim – Tlim
Tlim – tlim vai lavar a perna
Tlim – tlim já está lavada
Tlim – tlim deita-a na panela
Tlim – tlim já está deitada
Os pratos na prateleira
Fazem todos tlim – tlim
O gato faz miau
E o porco faz gurnim
Tlim – tlim.
In: Da Memória do Povo, de Margarida Tengarrinha
O Hebreu
O hebreu come alheiras com hormonas – Antes herege que herbívoro.


In: Novíssima Cartilha Ilustrada, de Pedro Monteiro e Rodrigo Monteiro